Sempre que possível troque idéias, elas esclarecem, acrescentam, ajudam, evoluem… ainda que você não precise, servirão para o outro.” Ditado Chinês.

domingo, 11 de março de 2018

Leitura da história “Os Três Jacarezinho”.




OS TRÊS JACAREZINHO

Era uma vez, três jacarezinhos que viviam com a mãe em um pântano láááááá lonje.
Um dia, a mãe disse...
__ Já é hora de vocês, rapazinhos, viverem por conta própria. Cuidem de construir casas fortes, o bastante para se protegeram do javali bundudo. O lanche preferido dele é um jacarezinho bem gordinho e macio.
Os três jacarezinhos partiram.
Logo encontraram algumas pedras.
__Arrá! Disse Jaca  primeiro. Uma casa de pedras vai ser forte o bastante para me proteger do javali Bundudo.
__Péssima escolha! Disse Jaca segundo. __Pedras são pedras, e dão muito trabalho.
Muito trabalho mesmo! Disse o jaca terceiro.
__Pesadas ou não, eu vou construir minha casa com pedras.
E Jaca primeiro começou a empilhar PEDRAS. Seus irmãos mais velhos deram ‘’tchau’’ e continuaram andando. Até que...
PLUFT! Um graveto caiu na cabeça de jaca segundo. Ele olhou para cima. Era o gavião que fazia um ninho na árvore logo ali.
__Arrá! Vou construir uma casa de gravetos. Assim vai ser mais fácil.
__Péssima escolha, disse Jaca terceiro. Ainda assim, é muito trabalhoso. Jaca terceiro deu ‘’tchau’’ e continuou andando, até que...
CHUÁÁÁÁÁ! Jaca terceiro chegou a um rio, e parou para descansar sobre a areia fofa da margem.
__Arrááá! Uma casa de areia vai ser mais fácil de construir – disse.
__Então fez um grande monte de areia e nele cavou um túnel. A porta, ele fez de galhos.
__ Rá ! Riu Jaca terceiro. Javali bundudo nem vai saber que isso aqui é uma casa. Rastejou para dentro e dormiu.
Algum tempo depois, um barulhão acordou Jaca terceiro.
_Roinc, roinc! Oinc, oinc!__Jacarezinho, deixe-me entrar! Um jacarezinho macio estou a cheirar!
Jaca terceiro, estremeceu dentro da casa, mas respondeu!
__Vá embora bundudão! A porta eu não abro não!
__Então eu vou sacudir seu traseiro! Bum, bum, bum, e...vou esmagar essa casa! Javali bundudo remexeu os quadris e deu uma bundada na casa do Jaca terceiro.
Voou areia pra todo lado.
Jaca terceiro correu mais do que gato atrás de rato. Saiu rastejando pelos arbustos e foi rastejando pelos arbustos e foi para casa de Jaca segundo.
Não demorou nada, até que os dois jacarezinhos ouvissem um grande barulhão.
_Roinc, roinc! Oinc, oinc!__Jacarezinhos, me deixem entrar. Dois jacarezinhos macios estou a cheirar... Correr atrás de vocês me fez emagrecer. Agora preciso de dois jacarezinhos para me fortalecer!
Os dois jacarezinhos tremeram de medo   ao ouvir a voz do Javali BUNDUDO, mas responderam!
__Vá embora Javalizão! Aqui você não põe o seu bundão!
__Então eu vou sacudir o meu traseiro! BUM, BUM, BUM. Eu vou esmagar essa casa, disse Javali Bundudo!
E remexeu os quadris e deu uma bum-bundada na casa do Jaca Segundo. Voaram gravetos para todo lado.
JacaSsegundo e Jaca Terceiro, correram mais rápido do que cobra atrás de coelho. E, aceleraram mato a dentro. Chegaram na casa de Jaca Primeiro.
Não demorou nada, até que os três jacarezinhos ouvissem um barulhão.
_Roinc, roinc! Oinc, oinc!__Jacarezinhos, me deixem entrar. Três jacarezinhos macios estou a cheirar... Correr atrás de vocês me fez emagrecer. Agora preciso de três jacarezinhos pra me fortalecer!
Os três jacarezinhos chocoalharam de medo do Javali Bundudo, mas responderam!
__Vá embora seu porção! Você e o seu bundão!
__Então eu vou sacudir o meu traseiro! BUM, BUM, BUM. Eu vou esmagar essa casa, disse Javali Bundudo!
E sacudiu, remexeu e rebolou, mas não conseguiu esmagar a casa do Jaca Primeiro.
__Eu ainda pego vocês! Bufou o Javali Bundudo!
Ele subiu no telhado e vou se espremendo chaminé adentro.
Grunhiu, guinchou e bufou e roncou... e assim foi descendo.
Mas os três jacarezinhos estavam prontos pra ele.
__PÉSSIMA escolha! Gritaram.
Quando o Javali bundudo finalmente se livrou do aperto da chaminé caiu bem em cima da grelha quente da churrasqueira de Jaca primeiro.







terça-feira, 9 de janeiro de 2018

SEQUÊNCIA DIDÁTICA CONSCIÊNCIA NEGRA



 TURMA : 1 ANO
ÁREA DO CONHECIMENTO- História- Língua Portuguesa
DURAÇÃO:  5 dias


APRESENTAÇÃO

Esta sequencia foi desenvolvido a partir do livro do Projeto nas Ondas da Leitura "a caixa mágica das Márias'  proporcionando momentos de reflexão e valorização da  história e da cultura Africana, compreendendo sua importância para diálogo e convivência harmônica.

OBJETIVO GERAL: 
Levar ao aluno à valorização do ser humano, ajudando-os na reflexão, quanto às semelhanças, diferenças étnicas e sociais e relações familiares.

DESENVOLVIMENTO
1º dia- Livro  A caixa mágica das Marias;
- Apresentação da caixa com duas bonecas uma branca e outra preta;
-Conversa sobre o tema;
-atividade com autorretrato
 produzir  o seu autorretrato a partir da foto  de cada aluno onde a metade  eles a completa.
objetivos:
- Explorar as diferenças e semelhanças entre as crianças;
-Desenvolver o respeito pelas diferenças físicas.

2º dia , 3ºdia e 4º dia -  Livro  As tranças de Bintou
Atividade  sobre a África
Jogo anel africano
Confecção do rosto de Bintou
Música roda africana
Vídeo -Viagem a África
Conhecer as mascaras africanas
Confecção de mascara africana

Objetivo
-conhecer uma outra cultura, a Africana, alguns costumes, como música, a alimentação, as roupas, o modo de arrumar o cabelo, entre outros

5º dia -Flávia e o bolo de chocolate
-Conversa sobre  aceitação  e respeito a identidade racial
-Trabalhando gênero receita
-Trabalhando lista   
-Oficina culinária preparo e degustação de um bolo de chocolate.

Objetivos
 Reconhecer a estrutura e as características do gênero receita (texto instrucional);
Desenvolver aceitação  e respeito a identidade racial.

CULMINÂNCIA
Apresentação da História "A caixa Mágica das Márias" ,no encerramento do projeto nas ondas da leitura .
















domingo, 19 de novembro de 2017

SACOLÉ DA LEITURA

   
      Com o propósito de desenvolver o gosto pela leitura e fomentar o uso dos livros do projeto ondas da leitura, de forma lúdica e criativa.
     O “sacolé da leitura” tem como objetivo proporcionar o contato desses alunos com uma série de livros, por meio de uma  atividade divertida e gostosa.
    A cada história lida contribuímos com a missão de formar e desenvolver leitores encantados com o prazer de ler!












Viajar pela leitura 

sem rumo, sem intenção.
Só para viver a aventura
que é ter um pequeno texto  nas mãos.
É uma pena que só saiba disso
quem gosta de ler.
Experimente!
Assim sem compromisso,
você vai me entender.
Mergulhe de cabeça 
na imaginação!


Clarice Pacheco

                                                                   

terça-feira, 17 de outubro de 2017

Dia das Crianças na Escola

Tema Minions

Que tal usar a criatividade e oferecer um dia incrível que vai ser lembrado para sempre pelos pequenos? Foi o que fizemos,pegamos o tema Minions o personagem querido por toda a criançada,e realizamos uma linda festa para comemorar o dia da criança na escola.












domingo, 3 de setembro de 2017

O FUTURO FAZ COM CONSCIENTIZAÇÃO DAS DIFERENÇAS

Durante toda semana meus alunos realizaram diversas atividades alusivas À Semana da Pessoas com Deficiência e encerramos com uma linda apresentação. 







Para ver melhor amigo use o coração
Enxergar o que é belo sem usar a visão
Pare pra escutar que no silêncio há uma canção
Deixa bater no peito o tambor da vibração

Quem disse que não podemos?
Nunca duvide de nós!
Somos especiais, quase super-heróis

Nosso corpo fala preste muita atenção
Não precisa palavra pra comunicação
Tantas são as formas de cruzar a imensidão
Demonstrando pro mundo nossa superação

Quem disse que não podemos?
Nunca duvide de nós!
Somos especiais, quase super-heróis
Quem disse que não podemos?
Nunca duvide de nós!
Somos especiais, quase super-heróis

Um pouco de carinho e de bondade
Pra ver que a diferença é o que nos une de verdade
E mesmo sendo assim ou sendo assado
O amor se multiplica e se espalha por todo lado.

terça-feira, 4 de julho de 2017

Festa Junina

                                    Arraial da Alegria

Objetivo

Desenvolver a linguagem oral e escrita, por meio de músicas típicas dessa data.